Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]





Sinceras condolências

por aquimetem, em 03.04.13

Vitorino Carvalho Minhoto

          Figura muito conhecida e respeitada em todo o concelho de Mondim, e região de Basto, foi como autarca que mais se notabilizou à frente dos destinos da sua, que é também a minha, freguesia de Vilar de Ferreiros. Como pessoa mereceu sempre a minha estima e consideração, como autarca houve pontos em que muitas vezes discordamos, sem que no entanto deixasse-mos de nos respeitar mutuamente. Quando mais tarde nos encontremos para debater alguns desses pomos da discórdia, acabei por concluir que também ele tinha a sua razão e no essencial até esteve sempre do meu lado, sobretudo na defesa intransigente dos direitos da freguesia, quanto a limites e património histórico. Recordo desse altura, em que entre nós havia uma certa animosidade, me fazer companhia ao lado dos saudosos Dr. Primo Casal Pelayo e Manuel Lopes, e da pessoa que  nos  conduziu para juntos fazermos uma digressão  e ver in loco todos os marcos divisórios da freguesia. Assim: começou-se pelo centro de Campos, depois loja do Manuelzinho cuja casa é divisória( metade de Vilar e metade de Mondim), marco do Alto do Couto, cruz da Bouça da Isabel e levada da Isabel(no rio). Ainda nessa manhã visitamos na área da “praina  de São Paulo”: o “Fojo de Cercos”, os restos arqueológicos da Capela de São Paulo, e o Fragão de São Paulo, que sempre foi divisão de Vilar de Ferreiros com Mondim e Paradança. A jornada continuou de tarde com a visita ao Fojo de Covas, alto do Vale-de-Ar, cruz da Ínsua, Capela de Santo António de Vila Chão, Poça do Farlengo, cruz da Ponte da Cucaça, Torno, alto de Bentuselos, Fojo e cruz do Campo do Seixo. Terminou na Sra. da  Graça, com visita à cruz do  2º adro e à cruz em tau  que ao fundo das capelas divide Vilar de Ferreiros com Mondim e Atei. A nossa mutua estima manteve-se e em muitos ocasiões surge exaltada em noticia, como aconteceu em post, de 12 de Janeiro de 2011, neste blog. a-propósito da sua inegável generosidade e referente a uma homenagem prestada ao pároco Sr. Padre Guedes. Dizia, eu: "juntou-se nessa ocasião a Junta de Freguesia, na pessoa do então , Sr. Vitorino Carvalho Minhoto que não obstante o relacionamento com a organização não fosse o melhor, de pronto se associou e colaborou generosamente em nome particular e no da respectiva Junta. Justiça lhe seja feita. Desde aquela data, Janeiro de 1986, mais 25 anos se passaram, e como então o alerta foi dado. E ao que sei a máquina, se emperrada ou não, ainda mexeu..". Nesta altura já a Junta de Freguesia andava entregue aos inexperientes e falhos daquele fervor bairrista característico dos vilar-ferreirenses. Como também, já muito debilitado, o saudoso Minhoto de Vilar tinha deixado as rédeas de uma Junta onde se melhor não fez é porque alguns dos vizinhos, de ontem e de hoje, primam em impedir. Mas como julgar só a Deus compete, o certo é que esta figura carismática de Vilar de Ferreiros partiu, aos 87 anos, para o Além, no passado dia 26 de Março. O funeral, no dia 28, que constituiu uma notável manifestação de pesar, após missa de corpo presente seguiu para o cemitério de Vilar. Paz à sua alma. A toda a família em luto, mormente às suas filhas dilectas Maria José e Maria do Céu deixo as minhas mais sinceras condolências.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:56



Mais sobre mim

foto do autor


Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2006
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D